Após polêmica com merenda escolar, Pedrinho Godoy encontra leite vencido em escola e chama polícia

 

A polêmica com a falta de merenda escolar em escolas de Barra de São Francisco foi grande durante os últimos dias. Em algumas escolas do município foi servido apenas arroz para as crianças. Veja aqui

Pedrinho Godoy, que usou as redes sociais para denunciar a falta de merenda, resolveu ir até a Escola João Bastos, pois teve a informação de que tinha chegado merenda. Segundo Pedrinho, do mesmo jeito que cobrou quando estava faltando merenda, ele foi para tirar foto e parabenizar a administração por ter reabastecido as escolas.

Fiquei sabendo que tinha chegado merenda, pois o prefeito mandou repor, então queria parabenizar, pois denunciei e critiquei a falta de merenda, então queria também dar os parabéns“, relatou Pedrinho.

Chegando à escola, Pedrinho se deparou com várias caixas de Leite com data de validade vencida.

Segundo a Diretora, o Leite não seria usado e que era alimento antigo. Uma funcionária disse que recebeu ordens para resfriar o Leite para depois fazer batida para as crianças. “Estava sendo servido sim“, confirmou a funcionária.

Pedrinho ainda lembrou que a fiscalização esteve na escola.

Neste terça-feira o Conselho Municipal de Merenda esteve na Escola, vistoriou tudo e renovou o estoque, e mesmo assim deixou esse leite vencido na escola. Por que não foi recolhido esse leite vencido“, questionou Godoy.

 

No mesmo instante ele chamou a polícia militar para registrar ocorrência. Segundo Pedrinho, a ocorrência foi confeccionada e será encaminhada ao Ministério Público.

Isso é um absurdo. Não podemos permitir que isso aconteça em nosso município. Estou fazendo o que muitos também poderiam fazer, pois é meu papel de cidadão, fiscalizando e cobrando melhorias“, disse Godoy.

A prefeitura foi procurada, mas disse que só irá se manifestar após ter acesso ao boletim de ocorrência.

Fotos: Pedrinho Godoy