Subsecretário de Segurança Pública do ES fala sobre reforma do batalhão da PM em Barra de São Francisco

Vinicius Xavier Teixeira

O atual subsecretário de Segurança Pública do Estado do Espirito Santo, Vinicius Xavier Teixeira, natural de Barra de São Francisco, falou sobre as reformas que serão realizadas no 11º BPM do município.

Vinícius apresentou o 11° Batalhão da Polícia Militar, localizado em Barra de São Francisco. De acordo com ele, o imóvel abrigou, no passado, uma antiga cadeia pública e, depois, uma Delegacia de Polícia, até finalmente se transformar no 11° BPM.

Em 2018 a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social foi demandada para que melhorasse essa unidade policial. “Hoje esse sonho de recuperação do imóvel começou a virar realidade: publicamos o edital da licitação que viabilizará a contratação do projeto de reforma“, disse Vinícius em seu comentário.

Em seguida licitaremos a contratação da reforma, que será ampla e propiciará melhores condições de trabalho aos militares da unidade e, por consequência, melhores serviços prestados à sociedade de toda a região abrangida pelo 11° BPM“, completou o subsecretário de segurança.

Vinícius não comentou, mas já tem político tentando ‘pegar carona’ nessa reforma. Daqui pra frente será comum ver blogs ligados a políticos dizendo que foi o político A ou B responsável pela reforma.

Historia do batalhão

 

Paulo César Vieira

O primeiro comandante do 11º BPM, de Barra de São Francisco, foi o major PM Paulo César Vieira, hoje coronel aposentado. Vale lembrar, que antes mesmo de se criar o batalhão, foi criada a 4ª Companhia Independente, e quem assumiu na época foi major PM Ailton Romais, hoje coronel aposentado.

Como surgiu o 11º BPM

O 11º Batalhão é responsável pela segurança pública não só de Barra de São Francisco, mas também dos municípios de Águia Branca, Água Doce do Norte, Ecoporanga e Mantenópolis, no firme propósito de defender os valores da sociedade norte-capixaba.

O então DPM (Destacamento Policial Militar) de Barra de São Francisco funcionava junto à Delegacia de Polícia Civil e era comandado pelos Delegados ou Subdelegados de Polícia quando estes eram militares.

Quando os Delegados e Subdelegados se tornaram civis, os comandantes do DPM eram militares, até 1986, quando se criou o 2º Pelotão da 1ª Companhia do 2º Batalhão de Nova Venécia, transferido para a Rua Maranhão, Centro de Barra de São Francisco.

Assumiu, então, como primeiro comandante da 4ª Cia Independente, o então major PM Ailton Romais, hoje coronel aposentado, sendo seu subcomandante o capitão Alex Voney de Almeida.Em 08 de abril de 1998, a 3ª Cia do 8º Batalhão, através de um decreto do Governador Vítor Buaiz, foi transformada na 4ª Companhia Independente da Polícia Militar, com sede em Barra de São Francisco e abrangendo ainda os municípios de Ecoporanga, Água Doce do Norte, Águia Branca, Alto Rio Novo e Mantenópolis.

Em 02 de julho de 2002, a 4ª Cia Independente, através do decreto 1049-R, do Governador José Inácio, foi transformada no 11º Batalhão da Polícia Militar com sede em Barra de São Francisco e abrangendo, ainda, os municípios de Ecoporanga, sede da 2º Cia; Água Doce do Norte, sede do 4º Pel da 1ª Cia; Águia Branca, sede da 1ª Cia e Mantenópolis, sede do 3º Pel da 1ª Cia além do Alto Rio Novo. Assumiu então, como primeiro comandante do 11º BPM o major PM Paulo César Vieira, hoje coronel aposentado.

Tenente Coronel Rômulo Souza Dias

Hoje, o 11º Batalhão é responsável pela segurança pública não só de Barra de São Francisco, mas também dos municípios de Águia Branca, Água Doce do Norte, Ecoporanga, Mantenópolis, no firme propósito de defender os valores da sociedade norte-capixaba.O Tenente Coronel Rômulo Souza Dias assumiu o comando do 11º Batalhão da Polícia Militar em Barra de São Francisco.